Quarta, 23 de Junho de 2021 06:34
45 988066409
15°

Muitas nuvens

Marechal Cândido Rondon - PR

Dólar com.

R$ 4,97

Euro

R$ 5,93

Peso Arg.

R$ 0,05

Municípios Quatro Pontes

55% dos produtores fizeram atualização de rebanhos em Quatro Pontes

A partir de 30 de junho, o produtor que não atualizar o rebanho estará sujeito a penalidades previstas na legislação.

01/06/2021 11h20 Atualizada há 3 semanas
Por: [email protected] Fonte: Assessoria
Assessoria
Assessoria

Até hoje (1º), 55% dos 369 produtores de Quatro Pontes, ou seja, 202, já fizeram a atualização de rebanhos, de acordo com a Adapar de Marechal Cândido Rondon.

A Campanha de Atualização dos Rebanhos de 2021 será em etapa única, encerrando no dia 30 deste mês.

A atualização é obrigatória para todos os produtores rurais com animais de produção de qualquer espécie sob sua guarda.

Aqueles que não cumprirem a exigência ficarão impedidos de obter a Guia de Trânsito Animal (GTA), documento que permite a movimentação de animais entre propriedades e para abate nos frigoríficos.

A GTA apenas será emitida após a atualização de todas as espécies animais existentes na propriedade (bovinos, búfalos, equinos, asininos, muares, suínos, ovinos, caprinos, aves, peixes e outros animais aquáticos, colmeias de abelhas e bicho da seda).

Locais para Atualização

Os produtores podem fazer a atualização no sistema online pelo site da Adapar, no www.adapar.pr.gov.br/Pagina/Cadastro-do-Rebanho, ou presencialmente em uma das seguintes unidades: Prefeitura de Quatro Pontes, Adapar e Sindicato Rural.

A partir de 30 de junho, o produtor que não atualizar o rebanho estará sujeito a penalidades previstas na legislação.

O acesso ao sistema também está disponível de forma direta por meio do link www.produtor.adapar.pr.gov.br/comprovacaorebanho.

Para fazer a comprovação, o produtor deve ter o CPF cadastrado.

Nos casos em que seja necessário ajustar o cadastro inicial (correção de e-mail, etc.), o telefone para contato é (41) 3200-5007.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias