Segunda, 26 de Julho de 2021 01:21
45 988066409
21°

Poucas nuvens

Marechal Cândido Rondon - PR

Dólar com.

R$ 5,2

Euro

R$ 6,12

Peso Arg.

R$ 0,05

Geral Barco virou

Bombeiros reforçam equipes que buscam seis pessoas desaparecidas no Rio Ivaí

O barco onde elas estavam virou com a correnteza na região de São João do Ivaí, no norte do Paraná.

21/07/2021 07h44 Atualizada há 5 dias
Por: [email protected] Fonte: G1
Reprodução
Reprodução

Uma equipe do Corpo de Bombeiros de Curitiba está ajudando nas buscas por seis pessoas que estão desaparecidas no Rio Ivaí desde domingo (18).

O barco onde elas estavam virou com a correnteza na região de São João do Ivaí, no norte do Paraná.

No barco estavam nove pessoas, três pessoas que estavam na embarcação, casal e o filho de 3 anos, que são de Sarandi, conseguiram nadar e foram socorridas na margem do rio. Outros seis ocupantes sumiram no rio.

As vítimas disseram aos bombeiros que o motor do barco falhou. Em seguida, alguns dos ocupantes pularam na água para evitar que a embarcação chegasse a um salto. Mas, o barco virou.

Duas embarcações da Marinha e mergulhadores do Corpo de Bombeiros reforçaram os trabalhos de busca nesta terça-feira (20).

Com o aumento de equipe, a área de procura dobrou de tamanho, passou de um raio de dois quilômetros para quatro. As equipes fazem buscas aquáticas e também na mata nativa e plantação de milho que ficam às margens do rio.

O local onde aconteceu o acidente é conhecido como Três Pousos, é onde o rio se divide em três quedas d´água.

O barco, que tem capacidade para no máximo quatro pessoas, mas estava com nove ocupantes, teria sido arrastado para a queda d'água e virou na tarde de domingo.

As vítimas são o dono do barco, a mulher dele e a filha de quatro anos, que moram em Ivaiporã, e um homem e dois filhos que têm 5 e 8 anos, e são moradores de Maringá.

Segundo os bombeiros, ninguém usava coletes salva vidas e o dono do barco não seria habilitado para navegar.

Durante todo o trabalho de buscas, as equipes percorrem as margens do Rio Ivaí chamando o tempo todo pelo nome das pessoas que estão desaparecidas. A esperança é que alguém ainda possa responder para ser resgatado pelas equipes.

"Temos a mesma esperança que a família, queremos encontrar todas as pessoas com vida. Se não houver possibilidade, vamos achar todos os corpos", disse Cleber Daverson Luis dos Santos, Major do Corpo de Bombeiros.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias